JOGO DA ACESSIBILIDADE

O jogo da acessibilidade é destinado aos estudantes da área de concepção e implantação de projetos arquitetônicos e urbanísticos.
O Brasil possui 82% de sua população morando nas áreas urbanas e a atenção às pessoas com restrições de mobilidade tende a crescer.
Atuar na adequação e expansão das nossas cidades eliminando obstáculos e barreiras na arquitetura e nos espaços urbanos; construindo cidades acessíveis onde as pessoas com deficiência e restrições de mobilidade não encontrem desvantagens que as impeçam de participar e exercer sua cidadania é premente.
Os futuros arquitetos e urbanistas terão papel fundamental nesse processo e para isso, tão importante quanto a sensibilização dos mesmos, é o conhecimento das legislações e do decreto federal 5.296 de 2004 que estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade. O conhecimento de conceitos como " Desenho Universal" e " Antropometria" também são importantes para garantir a mobilidade das pessoascom deficiência pela cidade promovendo o acesso a prédios públicos, estabelecimentos de comércio, de prestação de serviços e em áreas de lazer.
A associação Brasileira de Ensino de Arquitetura e Urbanismo - ABEA - em parceria com a Secretaria de Transporte e da Mobilidade Urbana do Ministério da Cidade- SeMob/MinCidades- desenvolveu um conjuntos de ação voltadas ao Ensino da Acessibilidade nos cursos de Arquitetura e Urbanismo, na busca de multiplicadores do conceito em todo o Brasil.
O jogo surge como instrumento de trabalho de docentes e recurso pedagógico complementar para que os alunos possam se apropriar de maneira lúdica desses conceitos, conteúdos e princípios tão relevantes para a elaboração de projetos que contemplem a totalidade dos indivíduos que compõem a sociedade.
 

Revisão e Supervisão:

Arq. E Urb. DR. José Antonio Lanchoti

 

Criação Pedagógica:

André Luís F. de Oliveira

 

Desenvolvimento Gráfico:

Adriano de Alencar Sales

Maria Clara Vicente da Silva

Telefones

Tel: (16) 3623-0731

Cel: (16) 98117-0180




 

© 2020 André Luis Oliveira.